FACEBOOK
TWITTER
GOOGLE+
PINTEREST
INSTAGRAM
WordPress Blog
Desde que me tornei vegetariana, ou seja, à dois anos e cinco meses deixei de beber sumos. Os únicos sumos de compra que bebo são aqueles de maçã naturais (sou contra os sumos da compal). A água tornou-se a minha melhor amiga e com isso a garrafa anda sempre atrás. Como sempre as pessoas têm que dar a sua opinião ou fazer as perguntas básicas como “mas nem sumos bebes?” não, nem sumos bebo, “mas não levam nada de origem animal” pois não, mas também não mata a cede só disfarça e faz com que seja consumido mais quantidade.
É bastante comum nos dias que corre dar refrigerantes aos mais novos,  não digo com 10 ou 15 anos, mas sim a bebes com menos de um ano. O “prático” por vezes torna-se problemático para a nossa saúde.
Algumas das diferenças que notei foi na pele que deixou de ser tão oleosa e passou a estar mais hidratada, o funcionamento do corpo começou a melhorar e as tonturas diminuíram. Parecendo que não também ajuda a controlar a pressão sanguínea, na formação da urina, previne cãibras, protege o coração e melhora o nosso intestino.
A água pode parecer toda igual, mas se perdermos tempo a olhar para a composição química, nota-mos que as marcas acabam por serem diferentes. Eu evito ao máximo quando as aguas contêm flúor por ser um elemento tóxico. O que acaba por ser importante é o PH. É recomendado uma agua com o PH superior 7,0 (alcalina) pois contribui para a redução dos sintomas refluxo gastroesofágico. Eu pessoalmente não consigo beber com um PH tão grande (acida), porque o sabor acaba por mudar.
Outras das coisas que me fez beber por volta de dois litros ou mais é dar maminha. O leite materno é composto por 87% de água, e parecendo que não fico com muita cede, mas atenção não ajuda na produção de mais leite.

Eu recomendo reduzir o consumo de refrigerantes, ao fim de algum tempo irá notar-se as diferenças 😀

Já sabem, continua a decorrer o passatempo no blog
Sabe tudo aqui.

By Daniela Santos
Daniela Santos
Post by Daniela Santos
O meu nome é Daniela Santos e sejam bem vindos ao blog Dezassete.
This post has 14 comments

Leave your comment here:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: