Beauty Beyond Size | O Corpo De Uma Mãe

julho 10, 2017



Beauty Beyond Size. Acabei de ser mãe e agora?

Agora com o verão o que vejo mais são "pedidos de socorro" entre mães à procura do tal biquíni ou fato de banho para esconder a barriga do pós-parto e as estrias que ficaram marcadas durante ou após o nascimento. Não sou um caso à parte, não tenho e nem fiquei com um corpo perfeito, mas também não me privo de fazer o que gosto. 
Nós mães não somos iguais, somos únicas. Cada uma no seu tempo, cada uma na sua vontade. Não podemos perder o interesse por nós, nem muito menos ficarmos para ultimo plano. É certo que o nosso filho acabou de nascer, mas se repararmos nós também crescemos muito com esta nova etapa.  Beauty Beauty Beyond Size - a self-love project




Sou mãe de primeira viagem e confesso que não estava preparada para as mudanças que o meu corpo iria sofrer, mas não foi por isso que deixei de me sentir bonita. Nunca contei a minha "história" do pós-parto não por ter vergonha, mas sim por achar irrelevante, só que agora vejo que talvez posso ajudar outras mães.
Eu engordei uns chatos 20 kilos, não me perguntem como, mas sei que os bolos de chocolate eram óptimos na altura. Como disse engordei, fiquei com a barriga e olha e lá apareceram as estrias do pós parto. Até agora já perdi mais de metade do peso, mas houve alturas estava realmente difícil e as marcas ainda continuam, mas estão perto de desaparecer. Sei que cada corpo tem o seu tempo e o meu ainda se está a habituar. Por isso Beauty beyond size é para todos e não só para as mães.

O caso da Carolina Deslandes com aquele post, foi uma motivação para imensas mulheres e quero acreditar que foi um abre olhos para pensarmos que somos quase perfeitas. Sofremos demasiado com o futuro e por vezes o nosso único pensamento é "quando é que vamos voltar ao normal". Chateia-me que nós mulheres somos as primeiras as julgar as outras, mesmo sem conhecer a história por de trás da cara.

Mãe

Se há dias em que demoro uma hora a escolher roupa porque não gosto de me ver com ela? Claro que sim! Mas isso também acontecia à um ano atrás, tal e qual como acontece a qualquer pessoa. Não tenho vergonha do meu corpo, gosto de mim e como estou. Simplesmente aceito-me por completo e não preciso de vozes de fora para dizer que estou bonita ou que estou bem. O meu corpo é o meu templo e consigo encontrar a paz nele.
Ficar para ultimo plano, esquecer de que existimos é completamente proibido. Temos que ser as primeiras a dizer "bolas, estou mesmo gira".

Com isto quero dizer que não estás sozinha e que não precisas de esconder-te por de trás de camisolas largas, ou fatos de banho horríveis. O teu corpo é a coisa mais maravilhosa que existe à face da terra e depois de ter dado à luz é uma dádiva que te sintas bem contigo mesma. Beauty Beyond Size é um projecto para todos nós.



Beauty
Conhece este projecto Beauty Beyond Size aqui.
Já olhaste ao espelho hoje e disseste que estás bonita?

You Might Also Like

15 comentários

  1. Vias ver que apesar de todas essas coisinhas, vai ser uma vida de alegrias! Essa coisa fofa só te vai trazer encantos *.*
    Beijinhos,
    An Aesthetic Alien | Instagram | Facebook
    Youtube

    ResponderEliminar
  2. fico feliz por ti. ha pessoas que sofrem muito com as mudanças do corpo com a gravidez. eu sei que vou ser uma dessas pessoas. mas pronto, nao ha nada a fazer! ;)

    está um decorrer um giveaway no meu blog! participa!
    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
  3. Parabéns pelo texto, pelo teu bebé e pelo blog ;) Continua assim!
    Beijinhos
    www.beatrizcouto.com

    ResponderEliminar
  4. Tudo merece a pena quando se e mãe. Não sou mas sei que sim.
    E fiquemos de que forma for, tudo compense quando vemos o sorriso do bebê.

    Adorei o post.

    Beijinhos 🖤
    www.pirilamposemarte.com

    ResponderEliminar
  5. Acho que devemos apenas sentir-nos bem connosco próprias e tentar esquecer os julgamentos de pessoas que não nos fazem bem!

    Beijinhos,
    Inês
    http://www.indiglitz.pt

    ResponderEliminar
  6. *Palmas*

    Tenho algo deste género planeado para este projecto também e nunca é demais reforçar o que disseste aqui. Parabéns Daniela <3

    ResponderEliminar
  7. Parabéns para ti e pelo teu bebe! Também quero muito ser mãe!

    Beijinhos
    That Girl | FACEBOOK PAGE | INSTAGRAM | TWITTER

    ResponderEliminar
  8. Gostei muito das tuas palavras e concordo contigo. Não sou mãe mas sei o que é isso do demorar mais de 1h a escolher a roupa, às vezes também passo por isso e por tantas outras.
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  9. Gostei muito de teu texto. O mais importante é o amor próprio, acho fantástico as palavras que escrevestes. Deveríamos respeitar-nos um pouco mais entre mulheres. Deveríamos amar-nos mais. 😘😜 https://afarmaciajaponesa.blogspot.com

    ResponderEliminar
  10. Adorei o post! Que tu e o teu bebé tenham tudo de bom! http://bublidu.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Olá
    Eu também não estava preparada para as mudanças no meu corpo. Eu sempre fui bem magrinha. Durante a gestação, eu engordei somente nove quilos. Emagreci eles enquanto amamentava, mas quando parei de amamentar, engordei. Estou com quase 15 quilos a mais do que eu me mantenho. Estou tentando voltar e me sentir feliz. Nunca imaginei que minha relação com meu corpo me influenciava tanto. Eu me sinto triste, não tenho vontade de usar a maior parte das minhas roupas e nem de sair de casa. Me sinto desconfortável no meu próprio corpo.
    Bom, felicidades para ti e seu bebê. Que Deus dê saúde.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá querida, não devias de sentir-te assim, nós somos bonitas de qualquer forma e acima de tudo somos guerreiras! Não podes deixar que te influencia e deves encontrar uma forma de te sentires bem :D

      Felicidades para ti também <3

      Eliminar